Sofá microfibra: ter ou não ter, eis a questão

O sofá é um elemento essencial de qualquer casa e, por isso, o momento de compra deste móvel requer alguma pesquisa e, por vezes, experimentação. No momento de escolha do sofá, não é só a cor que importa, mas também o material. Afinal, o que é um sofá microfibra? Que vantagens e desvantagens nos traz? Vamos descobrir.

Sofá Microfibra azul

A escolha do material adequado é essencial na compra de um sofá

Encontrar os materiais adequados às nossas necessidades é um fator decisivo na compra de qualquer produto. Contudo, é evidente que, na hora de escolher o sofá, uma peça de mobiliário essencial em qualquer casa, a decisão tem um peso ainda maior.  Deste modo, saber escolher o tipo de sofá também passa por saber optar pelo melhor material que forra o sofá é essencial.

CFR – PT – TEXT – Ebook 2 – Cómo elegir el sofá ideal

Primeiramente é importante perceber que existem diferentes tipos de estofos para sofás: tecido, couro ou microfibra. Todos estes diferentes tipos de material acarretam diferentes características que se adequam (ou não) às nossas necessidades. Além disso, também o gosto pessoal de cada um influencia a escolha por determinado tipo.

De seguida, é essencial saber o que é, afinal, a microfibra. A microfibra é um artigo têxtil produzido a partir de fibras ultrafinas. Comummente, as microfibras são feitas a partir de poliésteres e poliamidas, ou uma conjugação destes. Este material é aplicado a vários produtos: toalhas, panos de limpeza ou roupa de cama. No que toca aos sofás, a microfibra pode ser um material adequado do ponto de vista estético e, maioritariamente, funcional.

Vantagens da microfibra nos sofás

Para termos uma ideia, as microfibras são 100 vezes mais finas do que o cabelo humano. Essa finura confere a este tipo de estufagem maior durabilidade e flexibilidade. Tal como o sofá em couro, o sofá microfibra promete uma grande longevidade e beleza.

Sofá Microfibra branco

As cores e materiais que escolhemos dependem das nossas necessidades

Além disso, este tipo de material, cujo preço é mais reduzido do que o couro, é mais resistente a manchas e à sujidade. Acrescente-se que, sendo um material mais fácil de limpar e manter limpo, é aconselhado para quem tem crianças ou animais domésticos ou em casa. Na microfibra, os líquidos deslizam pelo revestimento e não são absorvidos. Para manter um sofá microfibra limpo basta usar um aspirador de pó a cada dez dias, aproximadamente. Para as manchas, bastam água e sabão neutro, excluindo produtos de limpeza domésticos ou abrasivos.

sofa microfibra

Não há limites para as cores, texturas e padrões dos sofás microfibras

Por outro lado, outra vantagem do sofá microfibra é que este material, totalmente sintético, tem uma infinidade de possibilidades no que toca a texturas, padrões e cores. Assim, é possível escolher o sofá, consoante o gosto e a necessidade, visto que este pode ter a aparência de camurça, veludo ou até algodão. Por fim, a microfibra tem um aspeto suave, garantindo o conforto.

Desvantagens do sofá microfibra

Apesar das variadas vantagens, dependendo de cada um, o sofá microfibra apresenta alguns pontos menos positivos. Por exemplo, para quem tem alergias o sofá em couro pode ser uma melhor opção, pois não absorve pó. Além disso, em termos visuais há quem prefira o aspeto visual do couro.

Por último, é importante sublinhar que a escolha de um sofá parte das necessidades de cada um. Antes da compra, é importante questionar: como vamos usar o sofá? Quem o vai usar? Que resistência necessito? Assim, se o sofá microfibra for a opção certa, basta inspirar-se!

CFR – PT – POST – Ebook 2 – Cómo elegir el sofá ideal